ZOOTECNIA


Projeto Equoterapia ESALQ- USP


A Equoterapia, de acordo com a Associação Nacional de Equoterapia (ANDE-Brasil) é um método terapêutico e educacional, que utiliza o cavalo dentro uma abordagem inter e multidisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com limitações e/ou com de necessidades especiais.
 Nessa terapia, o cavalo é fundamental, pois exerce um papel de agente de reabilitação e educação. Por acontecer dentro de um picadeiro, ao ar livre, acaba sendo muito lúdica, prazerosa e podendo acelerar a evolução do tratamento. Esta terapia é indicada para o tratamento das limitações funcionais e incapacidades em pacientes com desordens neuromotoras. Além dos benefícios físicos, a terapia também é reconhecida por proporcionar inúmeros benefícios cognitivos, afetivos e psicológicos aos seus praticantes. Sendo assim, favorece que crianças e adultos desenvolvam suas potencialidades, respeitando seus limites e visando sua integração na sociedade.
Com intuito de contribuir para o embasamento científico à prática terapêutica, formação de novos profissionais na área e prestação de serviço de qualidade à comunidade de Piracicaba e região, em iniciativa pioneira dentro das Universidades Públicas, na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”- ESALQ-USP, no Departamento de Zootecnia da ESALQ, Setor de Eqüinocultura, foi fundado, em agosto de 2001, o Projeto Equoterapia ESALQ-USP, coordenado pelo prof. Dr. Claudio Maluf Haddad.
O Projeto Equoterapia não tem fins lucrativos e em todos esses anos de existência, vem buscando contemplar a tríade Pesquisa, Ensino e Extensão. Na área de Pesquisa, foram desenvolvidos trabalhos de conclusão de curso, publicações de artigos em Congressos Nacionais e Internacionais e em revistas especializadas (ANEXO). Com a divulgação dos resultados adquiridos, o Projeto contribui fornecendo maior embasamento científico à prática das sessões terapêuticas. Em relação ao Ensino, foram oferecidos cursos de formação profissional e ministradas palestras sobre o tema em Universidades de Piracicaba e região. Além disso, há possibilidade de profissionais das áreas afins atuarem como voluntários, vivenciando a prática terapêutica e aprimorando seus conhecimentos sobre a terapia. Sendo assim, o Projeto proporciona que novos profissionais sejam capazes de promover, expandir e liderar novos programas de Equoterapia em outras cidades e regiões do país.
Quanto à área de Extensão, o Projeto presta atendimento à comunidade de Piracicaba e região. Atualmente, o Projeto funciona de 2.a a 6.a feira (8h as 17h), tendo capacidade de atendimento de cerca de 80 praticantes, oriundos da comunidade piracicabana. São atendidos praticantes com diagnóstico de paralisia cerebral, síndromes genéticas como a síndrome de Down, malformações congênitas do sistema nervoso central, autismo, traumatismo cranioencefálico, traumatismo raquimedular, acidente vascular encefálico, doença de Parkinson, tumores cerebrais, deficiência visual, esquizofrenia, hiperatividade, dentre outras. Desses praticantes atendidos atualmente, mais de 75% são crianças e adolescentese na sua maioria oriundos de famílias de baixa renda.
Para que o atendimento ocorra de forma efetiva e segura, o Projeto Equoterapia ESALQ-USP  conta com uma equipe multiprofissional atuando de forma interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação. Os profissionais são de diversas áreas, como biologia, equitação, educação física, engenharia agronômica, fisioterapia, fonoaudiologia, psicologia, terapia ocupacional, zootecnia e conta também com cerca de 50 voluntários da graduação e pós-graduação das áreas citadas de diferentes universidades da região.
Por fim, destaca-se que Projeto Equoterapia ESALQ-USP pode ser considerado um centro de referência por integrar: o cavalo, que tem fundamental importância por proporcionar benefícios motores, cognitivos, afetivos e psicológicos aos praticantes da Equoterapia; a equipe multiprofissional, por sua atuação interdisciplinar, que se torna diferencial por unir diversos profissionais com objetivos comuns no processo de promoção de saúde e; formação de profissionais e divulgação de evidências científicas, fornecendo embasamento clínico aos profissionais que atuam na Equoterapia
Por estar inserido em Universidade Publica, por seu caráter filantrópico, procura e aceita toda e qualquer forma de colaboração no sentido de fomentar a tríade Ensino-Pesquisa e Extensão, estando aberto a parcerias e convênios com esse fim.

Figuras 1 e 2. Processo de Aproximação

Foto: Lidiane Dri Manfiolete
Figuras 3 e 4. Sessão do programa de hipoterapia (reabilitação)

Figura 5. Volteio terapêutico: modalidade esportiva adaptada para a Equoterapia

Figura 6. Equitação terapêutica modalidade esportiva adaptada para a Equoterapia

ANEXO
Revistas:
Periódicos:                                                                  
Negri, A.P. ; Cunha, A. B. ; Zamunér, A.R. ; Garbellini, D. ; Moreno, M. A. ; Haddad C.M. Variabilidade da frequência cardíaca em praticantes de equoterapia com paralisia cerebral. Terapia Manual, v. 8, p. 44-49, 2010.

Em elaboração:

Cunha, A. B.; Zamunér, A.R.; Moreno, M. A.; Tudella, E.; Haddad C.M.; Silva, E.. Effect of one session of hippotherapy on autonomic modulation of heart rate in children with cerebral palsy.  

 

Revistas/ Jornais
Cunha AB, Novaes G F, Rezende LC, Corrêa MMD, Garbellini D, Maluf E, Negri AP, Caldas AP, Oliveira TPG, Haddad CM. Hippotherapy results on muscular tonus of lower limbs and motor performance on children  with spastic cerebral palsy. AHA-American Hippotherapy Association. winter, 2007. p. 14-15.

Maluf, E. ; Negri, A.P. ; Caldas, A.P.M. ; Oliveira, T. ; Garbellini, D. ; Haddad, C.M.  The influence of therapeutic riding in the balance of individuals with neurological alterations using Berg Scale. AHA-American Hippotherapy Association. winter, 2007. p. 14-15.

Livro: 
Prática em Equoterapia - uma abordagem fisioterápica (2009).
Autor: Alves, E.M.R., 
Colaboradores: Cunha, A. B., Garbellini, D.

Congressos:

  VI Congresso Brasileiro de Equoterapia, Bento Gonçalves- RS, 2014.

Cunha AB,  Garbellini D,  Haddad CM. A Equoterapia como prática complementar no desempenho motor em crianças com paralisia cerebral.

Esposito, N.C.O, Cunha AB,  Garbellini D,  Haddad CM, Fornasari, C.A. Equoterapia no alinhamento postural das colunas cervical e torácica em crianças com paralisia cerebral: estudo de 02 casos.

V Congresso Brasileiro de Equoterapia/ II Congresso Ibero-Americano de Equoterapia, João Pessoa- PB, 2011.

Luccas, R. F. ; Cunha, A. B. ; Haddad C.M . A influência da Equoterapia no desempenho funcional em  crianças com síndrome de Down.

Sacramento, B.C. ; Cunha, A. B. ; Haddad C.M . O efeito da Equoterapia no desempenho funcional em crianças com deficiência visual.

Cunha, A. B. ; Zamunér, A.R. ; Silva, E. ; Tudella, E. ; Haddad, C.M ; Moreno, M. A. . Ajustes da modulação autonômica da frequência cardíaca em praticantes com paralisia cerebral. 

XIII Congresso Latinoamericano de Fisioterapia y Kinesiologia (CLAFK). Santiago, Chile, 2010,

Cunha, A. B. ; Zamunér, A.R. ; Silva, E. ; Haddad, C.M ; Moreno, M. A.  Influência da hipoterapia sobre o controle autonômico da frequência cardíaca em crianças com doença motora de origem cerebral. 

20° Congresso Nacional da da Associação Brasileira de Neurologia, Psiquiatria e Profissões afins (ABENEPI), Campinas, 2009

Cunha, A. B., Negri, A.P., Rocha, D.S., Luccas, R. F., Arruda, A.H., Haddad C.M, Garbellini, D. O efeito da Equoterapia nas habilidades funcionais de crianças com deficiência visual.

IV Congresso Brasileiro de Equoterapia/ I Congresso Latino-Americano de Equoterapia, Curitiba-PR, 2008

Cunha AB, Arruda AH, Garbellini D, Luccas RF, Negri AP, Haddad CM. O efeito da Equoterapia na função motora de crianças com paralisia cerebral.

Negri AP, Arruda AH, Cunha AB, Garbellini D, Luccas RF, Haddad CM. A influência da Equoterapia no equilíbrio de uma praticante com síndrome de Mórquio- estudo de caso.

19° Congresso Nacional da da Associação Brasileira de Neurologia, Psiquiatria e Profissões afins (ABENEPI), Porto Alegre-RS, 2007

Garbellini D, Baeninger M, Cunha AB, Negri AP, Oliveira T, Haddad CM, Souza R. Avaliação da habilidade funcional de praticantes de Equoterapia com paralisia cerebral.

XII Congresso Internacional de Equoterapia, Brasília-DF, 2006

Cunha, A.B. ; Novaes, G.F. ; Rezende, L.C. ; Correa, M.M.D.S. ; Maluf, E. ; Negri, A.P. ; Caldas, A.P.M. ; Oliveira, T. ; Haddad, C.M. ; Garbellini, D. . Therapeutic Horseback riding results on the muscular tonus of lower limbs and motor performance of children with spastic cerebral palsy.

Maluf, E. ; Negri, A.P. ; Caldas, A.P.M. ; Oliveira, T. ; Garbellini, D. ; Haddad, C.M. . The influence of therapeutic riding in the balance of individuals with neurological alterations using Berg Scale.

Negri, A.P. ; Maluf, E. ; Garbellini, D. ; Caldas, A.P.M. ; Oliveira, T. ; Haddad, C.M. . The effect of therapeutic riding in the posture and balance after stroke: case report.

Silva, E.C ; Bastos, P.P. ; Garbellini, D. ; Maluf, E. ; Arruda, A.H. ; Correa, M.M.D.S.; Caldas, A.P.M. ; Oliveira, T. ; Haddad, C.M. . Therapeutic horseback riding: a quantitative comparation of spastic changes on severe quadriplegic children in differents horses.

Hafner, MB, Oliveira, TPG, Caldas, APM, Maulf, E, Haddad, CM. A importância da imagem do cavalo na terapia.

Caldas, A.P.M. ; Negri, A.P. ; Maluf, E. ; Garbellini, D.; Oliveira, T. ; Haddad, C.M. influência da equoterapia sobre a função social, auto-cuidado e mobilidade com praticante com encefalopatia crônica não progressiva.

Oliveira, T. ; Caldas, A.P.M. ; Negri, A.P. ; Maluf, E. ; Garbellini, D.; Haddad, C.M. Progressão terapêutica em caso de mielomeningocele.

 

Monografias de graduação realizadas no Projeto Equoterapia ESALQ-USP:

Os benefícios da Equoterapia no tratamento da Paralisia Cerebral: uma experiência prática (2002).
Aluna: Eveli Maluf
Orientação: Marta M.Drummond S.Correa

O efeito da Equoterapia na espasticidade em crianças com paralisia cerebral- relato de caso (2003).
Alunas: Renata Weinlich, Roberta L. Mochikawa, Vivian Alvarenga Lucci
Orientação: Marta M. Drummond S.Correa
Co-orientação: Daniela Garbellini

Os efeitos da Equoterapia antes e após a intervenção equoterápica na criança com paralisia cerebral espástica: relato de caso (2004).
Aluna: Vivian Maria Spaulonci
Orientação: Marta M. Drummond S.Correa

Estudo momentânea da oscilação do tronco na Equoterapia (2004).
Aluna: Daniela Leonforte, Ninotchka Antaki Thimming
Orientação: Marta M. Drummond S. Correa

O efeito da Equoterapia na postura em pé de uma criança com paralisia cerebral: relato de caso (2005).
Alunas: Juliana S. Alves, Letícia M. Stracieri
Orientação: Marta M. Drummond S. Correa
Co-orientação: Daniela Garbellini

O efeito da Equoterapia no tônus muscular de membros inferiores e desempenho motor em crianças com paralisia cerebral do tipo espástica (2005).
Alunas: Andréa Baraldi Cunha, Letícia Carvalho Rezendo, Gisane Faria Novaes.
Orientação: Daniela Garbellini
Co-orientação:  Marta M. Drummond S. Correa

Avaliação da capacidade funcional de praticantes de Equoterapia com paralisia cerebral (2006)
Aluna: Marília Fonseca Baeninger
Orientação: Daniela Garbellini

O efeito da Equoterapia no equilíbrio de pacientes com doença de Parkinson (2009)
Alunas: Alessandra Carolina Duarte Rodrigues, Cíntia Maria de Oliveira, Cristina Camargo Pretel
Orientação: Izabel Baraldi
Co-orientação: Andréa Baraldi Cunha e Ana Paola Negri

Avaliação da postura da coluna cervical e toracica de crianças com paralisia cerebral atendidas na equoterapia e fisioterapia convencional – estudo de 02 casos (2012).
Aluna: Natália C. O. Esposito
Orientação: Carlos Alberto Fornasari
Co-orientação: Daniela Garbellini.

Para obter informações sobre os resumos/ trabalhos/ artigos completos de seu interesse, envie um e-mail para: <esalq.equoterapia@gmail.com>

 

 

 

Copyright © 2003-, Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”
DEPARTAMENTO DE ZOOTECNIA(LZT)
Avenida Pádua Dias, 11 - Piracicaba/SP - CEP 13418-900
Tel.: (19) 3429-4134 Fax (19) 3429-4215